É bem complicado para quem tem uma jornada tripla como as mulheres que trabalham, estudam e ainda tem família e casa. Muitas das vezes elas pensam, como a Adriana: “Pois além de cansativo, acaba por não ter muito tempo pra estudar, o que vai te desmotivando… Levando a crer que você não nasceu pra estudar… Quase que eu realmente larguei tudo”.

Essa aluna Adriana, do 1º semestre da faculdade, tem a seguinte rotina:
“Eu acordo as 7:30 tomo banho e café, pois o ônibus passa as 8:30. Já deixo a roupa arrumada e a bolsa também, pois me facilita. Abro a loja as 9:00 sou operadora de caixa e uma espécie de gerente, resolvo uma boa parte dos problemas, ajudo as minhas colegas de trabalho, faço pagamento de funcionários, organizo contas, dou entrada em nota fiscal, fiz uma página no facebook da loja e estou sempre postando as novidades. Eu quase não tenho horário de almoço. E comer e descer, quando não como atrás do caixa mesmo. À tarde como qualquer coisa atrás do balcão mesmo, e durante o dia, penso na faculdade, penso em como poderia ser melhor pra empresa, o que poderia ajudar eles, que não possuem estudo algum, e que de alguma forma, acabam contando com a sorte. Quando vai dando 18:40 começo a organizar o fechamento do caixa. A loja fecha 19:00 – 19:10 hs. A partir desse horário, que tenho que correr, para poder chegar na faculdade a tempo. Essa hora é uma das que eu me sinto melhor. Pois sei que ali estará o meu futuro, a chave para muitas portas que se Deus quiser e mais meu esforço, vão se abrir pra mim. Mas devido ao cansaço do dia inteiro, acabo que já estou sem muita energia, dou até umas cochiladas, mas o desejo de ser melhor é cada vez maior
O que mais me motiva, é não querer ter essa vida corrida pra sempre, onde não sobra tempo nem pra comer, necessidade básica, nem pra sentar”.

A outra aluna também do 1º semestre da faculdade, Lizandra, já tem a seguinte rotina:
“Tento criar uma rotina que não me sobre carregue, porque se tentar fazer tudo de uma vez não dá a mente e o corpo padece
E é aquela questão, né! Tem que gostar do que faz…porque se não se torna massacrante
Eu reservo uma hora por dia pra me dedicar aos estudos, mas sempre fixo o mesmo horário pra se manter uma disciplina, e sou muito prática não gosto de deixar nada acumulado, se tenho uma tarefa vou lá e executo
No começo achava que não daria conta, mas depois vi que tudo era questão de organização. Hoje acho tranquilo porque aprendi a fazer de um jeito rápido, prático e eficaz”.

Tem também a Denise está começando a faculdade agora. Ela afirma que sua maior motivação é o filho e por isso procura manter autoconfiante pra não perder o pique, além de dividir o estudo durante a semana.
Mas a regra geral, é que a ambição pelo futuro melhor faz cada uma dessas mulheres acordarem cedo, enfrentarem uma rotina pesada de trabalho e ainda conseguir estudar e estarem felizes e se sentindo realizadas. Porque no fim, todas estão perseguindo seus sonhos e fazendo o que se gosta!!!
Ninguém disse que seria fácil, mas tem que começar por algum lugar, você só saberá se irá conseguir se tentar!!!

receita para o sucesso
receita para o sucesso

Como coach tenho algumas dicas:

  • Dê o primeiro passo para concretizar seu sonho, faça a sua faculdade/ curso!
  • Crie uma disciplina, estude nos mesmos horários e se possível no mesmo local.
  • Não deixe acumular matéria, todo tempo disponível é para estudar.
  • Se possível faça áudios que possa ouvir durante o trânsito, quando estiver arrumando casa, …
  • Tenha fé e autoconfiança em si mesma!
  • Mantenha a esperança, mas aceite que esse será um período de sacrifícios e que abrir mão de certas coisas garantirá um excelente futuro!!!
  • Saiba mais sobre como impulsionar a sua vida:
    Aposentei-me, e agora o que fazer?
    45 lições de vida
    Dicas para manter a energia sempre em cima

    livia-croce
    Lívia Croce
    Coach, Empresária, Palestrante e Consultora Empresarial
    www.vivavocejf.com