Regras de Etiqueta!

Diz a lenda que em uma certa ocasião um sujeito, após ter almoçado uma feijoada, pôs-se elevador a dentro, onde encontrou um casal que ali já estava. Sob o efeito da feijoada, o sujeito não foi capaz de conter um sonoro pum. Revoltado, o homem dirigiu a seguinte questão ao sujeito: como é que você se atreve a peidar na frente da minha mulher? Ao que o sujeito responde: desculpe, eu não sabia que era a vez dela…
Como os homens devem se portar perante as mulheres, nos dias atuais? Quais são as regras de etiqueta a serem seguidas? Vale lembrar que a etiqueta é uma pequena ética, uma orientação sobre qual o comportamento adequado para determinada situação. Tempos difíceis. Parece que os homens não devem agir como se estivesse no tempo das cavernas e atacar grosseiramente. Isso seria assédio moral. Por outro lado, não seria muito excitante uma abordagem do tipo: “com licença, eu gostaria de compartilhar a minha intenção de copular com a senhorita”.
O fato é que a piada se denuncia datada. Ao prestarmos atenção, percebemos que a mulher não se manifesta em nenhum momento. Ela não fica indignada nem pela deselegância do peido, ou mesmo pelo fato de que fosse a vez dela peidar. É o homem que fala por ela. Ela é a mulher daquele homem. É claro que não é mais assim. Contudo… tempos difíceis. Eis a questão feminina: como ter voz própria, mantendo-se feminina? Como se posicionar frente ao universo masculino sem ser abduzida por ele. Como garantir o seu lugar sem ter que cheirar ou soltar peidos? Como fazer valer o seu perfume.

Autor: Marcelo Rodrigo Campos
Autor: Marcelo Rodrigo Campos
Erro › WordPress

O site está passando por dificuldades técnicas.