4 Segredos para se Apaixonar pelo seu Corpo

“Eu sou linda simplesmente porque você me faz feliz”, “Você me faz sentir uma princesa com esse seu olhar”…
Será que você também se sente linda quando são os seus olhos que te olham e não os de outra pessoa? Será que você se faz sentir especial, ou depende sempre de outra pessoa?

A verdade é que muitas pessoas em todo o mundo estão descontentes com a reflexão que vêm no espelho. Um sentimento de inadequação e auto-aversão pode ter entrado nos seus subconscientes durante toda a sua vida por influências externas, culturais e sociais.

Mas você já olhou verdadeiramente para si mesma? Alguma vez você já pensou em como verdadeiramente surpreendente o seu corpo está e as muitas coisas maravilhosas que seu corpo pode fazer?

Há uma beleza genuína no corpo se ele está esculpido, tonificado, a curto / alto, grosso ou fino. E as pessoas que não se encaixam nese padrão, porque estão acima do peso ideal, ou simplesmente devido à sua genética sentem-se na maioria das vezes miseráveis quando se deparam com a sua própria imagem.

Homens e mulheres têm problemas com a imagem corporal. Talvez você é um cara que sente a pressão para aumentar a massa muscular para ser considerado atraente? Ou talvez você é uma mulher que se sente a necessidade de ser magra e definida para ser “bonita”?

Mas saiba de uma grande verdade: Seu corpo é muito mais precioso do que você pensa e você provavelmente nunca deu-lhe crédito.

Você gostaria de ver o seu corpo para o que ele realmente é – uma incrível máquina, perfeita e digna? Vos convido a se apaixonarem por seu corpo usando estes 4 segredos que vou compartilhar com vocês logo abaixo. (Eu, pessoalmente acho que o quarto segredo é o mais importante.)

Segredo 1: Você não é vaidoso, se você olhar no espelho mais de 10 segundos. Pegue um espelho e olhe cuidadosamente para seus olhos, as pernas, os ombros, a boca, o estômago, suas sobrancelhas, o nariz, suas mãos, seus cílios, seu cabelo, seus braços, seu queixo, suas coxas, seus quadris, seu bumbum, suas orelhas, seu pescoço, suas costas, seus bezerros … e tudo mais!

Concentre-se em um recurso que você gosta (ou estão prontos e dispostos a aprender a gostar) e sorrir como você examinar e admirar. Poderia ser tão simples como a desonestidade de seu sorriso, a curva de seus quadris ou a amplitude de seus ombros. Seja o que for, sorrir e abraçá-lo. Sussurrar para si mesmo usando um “eu” declaração como se o que você está prestes a dizer é um achado único e exclusivo. Por exemplo, “eu tenho os olhos bonitos.”

Segredo 2: Não há problema em concordar com os elogios que lhe foram feitos pelos outros. Você pode praticar dizendo um simples “obrigado” quando alguém lhe faz um elogio. Não Não subestime ou questione o elogio. Basta dizer “obrigado”.

Faça uma “Lista de amor próprio” relatando as observações positivas que você recebeu em relação a qualquer dos seus atributos, olhe para essa lista e desafie-se a si mesmo para aprender a amar e concordar com pelo menos uma delas. Leve esta lista com você em sua carteira, bolsa, telefone ou no bolso, para que possa reler estas belas palavras frequentemente. O objetivo é fazer com que essas palavras amáveis se tornem a ​​sua realidade.

Desenhe um esboço de sua mão e coloque os 5 elogios que se identificam mais com você em cada dedo. faça cópias deste exercício e coloque em áreas onde você vai vê-lo regularmente, como seu espelho do banheiro ou geladeira.

Segredo 3: Encontre uma atividade agradável que libere suas endorfinas e que ajude a trabalhar sua auto-confiança. O exercício ajuda o cérebro a liberar substâncias químicas que produzem alívio da dor e uma sensação de alegria e felicidade. Quando você está “se sentindo bem”, a sua auto-confiança começa a tomar forma. E quanto mais você se sentir confiante, melhor você sente sobre si mesma e sobre seu corpo.

Além disso, quando você treina você estará ajudando o seu corpo a ser saudável. Seja gentil com seu corpo pois ele é agredido cada vez que você o maltrata, privando-se descanso necessário, exercício e nutrientes.

Segredo 4: Use sua mente para superar todos os pensamentos negativos. Pense em todas as coisas que seu corpo pode fazer: caminhar, respirar, abraçar, tentar, executar tarefas, procriar, ouvir, proteger, dançar e muito mais. Seu corpo tem a capacidade de curar a si mesmo desde de pequenos arranhões para doenças graves desconhecidas. Seu corpo pode proporcionar-lhe prazer e criar uma nova vida.

Seu corpo lhe permite trabalhar, rir, viver e desfrutar dos seus dados presentes Deus. Pense em todas as coisas magníficas seu corpo pode fazer e seja GRATA. Desfrute do corpo em que você vive. Como diz Jim Rohn, “Cuide do seu corpo. É o único lugar que você tem que viver.”

Fonte: fitlife.tv

Melissa Corrêa
Melissa Corrêa
Designer, Marketeira, melissacorrea.niponica.net

Como escolher o biquini certo para o seu tipo de corpo

Com a chegada do verão, é hora de comprar novos biquínis para arrasar na praia ou na piscina. Mas há modelos que valorizam o corpo e outros que podem deformar suas curvas. Independente da cor, modelo ou tamanho, o importante antes de adquirir a peça é saber qual o seu tipo de corpo e escolher o modelo mais adequado para ele.

Conheça seu tipo de corpo
Antes de falar em biquínis, vejamos quais são os tipos mais comuns de formato de corpo. Assim, você conseguirá distinguir, de uma vez por todas, em qual grupo se encaixa.

como-escolher-o-biquini-certo-para-cada-tipo-de-corpo-1

Ampulheta
Esse formato tem medidas mais proporcionais onde ombros e quadris tem a mesma medida e a cintura é mais fina. Assim, as mulheres com o corpo tipo ampulheta podem usar e abusar de qualquer modelagem de biquíni. Sendo livre para escolher o biquíni mais focado em suas preferências e nas partes em que quer ressaltar.

como-escolher-o-biquini-certo-para-cada-tipo-de-corpo-2

Triangular invertido
Se você tem ombros mais largos que quadris, seios fartos, cintura reta e pernas torneadas, fique sabendo que o seu corpo é o tipo triangular invertido. Para deixar o corpo mais harmônico, invista em calcinhas que criem ilusão de volume, como as com listras horizontas, babados, drapeados ou estampas grandes. Já o sutiã frentre única ou com alça reta são as melhores opções.

como-escolher-o-biquini-certo-para-cada-tipo-de-corpo-3

Triangular
Ombros estreitos, seios pequenos cintura fina, quadris largos e coxas grossas. A solução para destacar a parte de baixo do corpo é chamar o olhar para o seu colo. Os modelos tomara-que-caia e frente-única aumentam visualmente os ombros, assim como os sutiãs com push up realçam o colo e valorizam os seios pequenos. Prefira as calcinhas com as laterais largas.

como-escolher-o-biquini-certo-para-cada-tipo-de-corpo-4

Retângulo
Para mulheres com quadris, ombros e cintura da mesma largura, pernas finas ou torneadas, a meta é criar a ilusão de cintura. Opte por top tipo tomara-que-caia estampado, de preferência com listras horizontais. A calcinha deve ser baixa e ter drapeados ou amarrações laterais, e, quanto mais fininha a lateral, melhor, viu.

como-escolher-o-biquini-certo-para-cada-tipo-de-corpo-5

Oval
A cintura é a medida mais larga do corpo, quadris e ombros estreitos pernas finas ou torneadas. Tem o abdômen saliente. A parte de baixo deve ser com laterais mais altas. Cores escuras e lisas deixam a silhueta mais fina. Mulheres com esse tipo de corpo devem evitar biquínis de laço ou com laterais muito finas.

como-escolher-o-biquini-certo-para-cada-tipo-de-corpo-6

fonte: lundender.com.br

Dicas e receitas sobre alimentação na Menopausa

O climatério é a fase em que ocorre a transição do período reprodutivo da mulher para o período não fértil e, acontece em decorrência da diminuição da produção de hormônios pelos ovários. Os efeitos colaterais dessa queda hormonal são muitos como, por exemplo, humor instável, irritabilidade, ondas de calor, alterações urogenitais e de humor e maior risco de desenvolvimento de osteoporose.

Porém, os efeitos da queda hormonal podem ser minimizados com uma alimentação balanceada. Certos tipos de alimentos ajudam na modulação de reações bioquímicas do organismo. A dica principal é optar pelos que possuem ação estrogênio-símile, como as isoflavonas encontradas na soja; o resveratrol presente nas uvas roxas, no açaí, na jabuticaba e na amora; as lignanas encontradas na linhaça.

Para a manutenção de um metabolismo ósseo saudável, a dieta deve ser rica em resíduos alcalinos, pois a menopausa propicia a diminuição da densidade óssea. É necessário entender que isso acontece pela redução do pH sanguíneo. Se o sangue fica com o pH menor que 7,35 favorece a diminuição da microarquitetura óssea, causando a osteoporose.

Mas nem tudo são más notícias! Esses sintomas podem ser controlados por três grandes aliados: os vegetais, as frutas e os cereais integrais. O brócolis, o agrião, a rúcula e a couve-manteiga são excelentes opções que merecem especial atenção. O leite seria uma ótima fonte de cálcio porém, para ser absorvido, depende da presença de magnésio e o leite não é boa fonte de magnésio. O magnésio vai favorecer absorção do cálcio pelas nossas céllulas. Portanto, se tivermos muito cálcio, mas pouco magnésio, não há garantia de formação de massa óssea. No leite, a biodisponibilidade (disponível para a absorção) de cálcio é de 32%, enquanto que em vegetais em tons verde escuro fica entre 50% e 61%.

nutricao-na-menopausa-alimentos-recomendados-nesta-fase-2Quanto aos fogachos ou ondas de calor,a soja e a linhaça também se mostraram ótimas aliadas na diminuição desse sintoma.

Para conseguir bem estar e qualidade de vida nesta fase aposte em continuar uma dieta equilibrada, saudável, colorida e o mais natural possível, evitando ao máximo alimentos processados!


A seguir, receitas que podem contribuir para a diminuição dos sintomas do climatério:

Granola da harmonia

Ingredientes
¼ xícara de chá de uvas passas
01 colher de chá de canela
¾ xícara de chá de mel de abelhas
⅓ xícara de chá de amêndoas cruas picadas
⅓ xícara de chá de semente de linhaça
⅓ xícara de chá de gergelim
½ xícara de chá de óleo de canola
04 xícaras de chá de aveia integral
½ colher de chá de noz moscada ralada

Modo de Preparo
Colocar em uma tigela a aveia, o gergelim, as amêndoas e as sementes de linhaça. Em seguida salpicar a canela em pó, a noz moscada e misturar bem. Acrescentar o óleo e misturar novamente muito bem. Colocar o mel e misturar novamente para envolver toda a mistura com mel. Forrar 2 assadeiras (30 cm) com papel manteiga e espalhar metade da granola em cada uma para montar uma camada bem fina. Assar por 30 minutos em forno pré-aquecido a 180ºC. Ficar atento, pois apesar de parecer úmido, a granola estará no ponto. Retirar do forno e deixar esfriar, depois de fria, ela ficará crocante. Acrescentar as passas e armazenar em potes herméticos.

Gel de Linhaça

Ingredientes

02 colheres de sopa cheias de linhaça dourada
água filtrada

Modo de Preparo
Colocar a linhaça em um copo de vidro e cobrir com água filtrada. Deixar de molho de um dia para outro. Adicionar o gel e a linhaça batidos em sucos.

Pão de Inhame com Aveia

Ingredientes

02 colheres de sopa de mel
30g de fermento para pão
03 inhames tamanhos médios cozidos e amassados
½ xícara de chá de óleo de canola
03 ovos inteiros
01 xícara de chá de iogurte de soja caseiro
04 xícaras de chá bem cheias de farinha de trigo
01 xícara de chá de farinha de aveia flocos finos
02 colheres de sopa de semente de linhaça
01 pitada de sal
01 gema de ovo pra pincelar

Modo de Preparo
Dissolver bem o fermento no mel. Acrescentar os demais ingredientes e misturar bem com as mãos (a massa deve grudar um pouco nas mãos que é para o pão ficar bem macio). Moldar os pãezinhos no formato desejado. Pincelar com a gema do ovo e cobrir com um plástico. Deixar crescer até dobrar de volume (mais ou menos 40 minutos). Levar para assar em forno médio por 40 minutos ou até ficar bem corado e seco por dentro.

Vitamina Funcional

Ingredientes
01 copo de 240mL de extrato de soja
01 colher de chá de cacau em pó
01 banana
01 colher de sopa de amaranto
01 colher de sopa de gel de linhaça
02 nozes
Gelo
Mel

Modo de Preparo
Bater todos dos ingredientes no liquidificador.

fonte:

Melissa Corrêa
Melissa Corrêa
Designer, Marketeira, Amante da Saúde e Viajante

Dicas de moda para mulheres baixinhas

As mulheres baixinhas são um tanto preocupadas com a sua aparência, por mais que se cuidem sempre pinta o preconceito quanto ao tamanho. Não é todo tipo de roupa que combina com as mulheres de estatura baixa, é preciso saber se vestir para dar uma melhor aparência ao seu visual e passar a impressão de ser mais alta.

É difícil encontrar uma mulher que esteja completamente satisfeita com o seu corpo, a sua aparência. Os defeitinhos são inúmeros e todas procuram escondê-los disfarçando com alguns truques. A moda oferece alguns recursos para criar efeitos visuais que ajudam a disfarçar as características que incomodam. Veja as dicas:

VÁ DE GOLA “V”
O decote angular mais profundo alonga o tronco, o que lhe permite usar calças e saias mais soltas sem ampliar o volume. Resultado: ilusão de centímetros sem o menor esforço.

ESCOLHA UM SAPATO DE BICO FINO
Você quer fazer suas pernas parecerem mais longas sem ter que usar salto alto? Então, opte por calçados mais baixos, desde que tenha bico fino e, se possível, não tenham tiras sobre o peito do pé.

ARREMATE O LOOK COM MINI BAGS
O grande segredo da ilusão de ótica está no jogo de proporções. Por isso, se a ideia é não comprimir a silhueta, prefira sempre bolsas menores, que, inclusive, dão mais charme às produções.

PREFIRA CINTURA ALTA
Tanto faz se o look leva uma saia lápis ou uma calça jeans, uma coisa é certa: a peça deve ter cintura alta. Além de propor um alongamento extra, o detalhe ainda ajuda a “afinar” a silhueta.

FENDAS SÃO GRANDES ALIADAS
Graças a esse recurso de deixar um pouco mais de pele à mostra, você poderá até experimentar comprimentos mais longos sem “cortar” as pernas.

NUDE NOS PÉS
Procure por um tom que seja o mais próximo possível da sua pele. Assim, fica difícil saber onde termina a perna e começa o pé. E quando ambos se transformam em uma coisa só, os centímetros a mais surgem imediatamente.

MONOCROMIA DA CINTURA PARA BAIXO É CERTEIRO
Se os tons de nude não fazem seu estilo, as outras cores, claro, estão também liberadas. Mas na hora de usá-las, tente escolher sapatos e calças monocromáticos. Dessa forma, você vai criar uma linha ininterrupta, que dá a ilusão de pernas mais longas.

Acessórios e detalhes

Invista em:

Colares compridos na altura do busto ou um pouco abaixo.
Maxibrincos.
Bolsas médias com alças longas na altura do quadril.
Cintos finos.
Detalhes na vertical, como listras finas, pespontos, botões, debruns, etc.
Tom sobre tom. “Use a peça de cima em tom parecido com a de baixo, evitando a divisão da silhueta”, ensina a especialista.
Sapatos peep toe ou scarpin, com peito do pé aberto. “Eles alongam as pernas. A meia pata também ajuda, pois aumenta a estatura”, diz Maria.
Tecidos fluidos.
Meias sempre na mesma cor da roupa ou do sapato.

O que evitar

Por outro lado, algumas roupas e detalhes encurtam ainda mais o corpo. Alguns exemplos são:

Cabelos muito longos.
Listras horizontais.
Estampas grandes.
Babados, franzidos e formas volumosas.
Tricôs de pontos grossos.
Comprimento longuete.
Calças capri ou corsário, que “cortam” a silhueta.
Botas em cor diferente da calça.

fonte: marieclaire

Dicas sobre Finanças!

Olá pessoal, estarei em continuidade aqui para deixar algumas dicas importantes sobre finanças e fico a disposição para perguntas, que posteriormente responderei.
Hoje podemos falar macro economicamente, das mulheres lutadoras, guerreiras que veem galgando mais espaço no mercado econômico financeiro, empresas e departamentos governamentais.  Porém às vezes deixamos nos levar com compras excessivas, viagens ou despesas  não orçadas e acabamos nos sufocando com dívidas e vencendo todas no mesmo momento.
Então vou deixar uma pergunta para cada uma de nós:
Na hora de comprar a 15º calça preta que você já tem no armário, que nem usou ainda, qual a melhor reflexão que devemos fazer?
– Reflita antes de comprar. Não seja compulsiva.
– Realmente eu preciso comprar? Onde vou usa-la? Eu já tenho várias, devo usar as que tenho? São todas iguais.
Veremos que compramos por impulso. Uso como exemplo a calça preta, mas é em tudo que gastamos.

Então:
A primeira dica é:
-Analisar custo benefício, realmente necessito disso? Em que vai me agregar resultados?

Segunda dica
– Após conter os gastos, você deve organiza-los de forma a alongar o prazos das dívidas, pois assim as parcelas ficam menores facilitando para você no mês a mês.

Terceira dica:
– Procure pagar a fatura do cartão de crédito sempre cheia, isso é 100% da fatura,
pois os juros do cartão de crédito para parcelar são muito caros. Se não tiver para pagar tudo, peça no banco com um prazo condizente como que você pode pagar no mês a mês e pague 100% da fatura. OBS: só não compre mais para aumentar a dívida.

Bom, nas próximas postagens poderemos falar de mais tópicos, se alguém precisar de um tópico específico pode me enviar, ou se tiver alguma dúvida pessoal, pode perguntar. Eu responderei.

Abraços

benildes
Autora: Benildes Curbani.