Podcast Questão de Mulher #026 – A Voz de Andrea dos Santos!

Neste episodio Shideh conversa com a linda cantora Andrea dos Santos.

Pai pernambucano do sertão de Xucuru, mãe capixaba do litoral, irmãos cariocas, a brasiliense Andréa dos Santos nasceu em uma mistura de influências e descobriu sua vocação para arte dentro desta colcha de retalhos cultural, uma marca presente em sua música até hoje. Guiada por sua curiosidade e interesse pela cultura popular e tradicional brasileira, visitou aldeias, vilarejos e festas populares em vários estados do país. Foi fundadora da banda brasiliense Casa de Farinha e depois de 9 anos com o grupo, inicia sua carreira solo. Ouça esta linda entrevista e se emocione com essa linda voz!

Quer receber o podcast no seu celular?

Assine o nosso FEED: Android e iPhone.

Sugestões / Dúvidas

Envie e-mail para: shideh@questaodemulher.com.br ou clique aqui.

“Leia Mulheres” clube que incentiva leitura de livros da autoria de mulheres

Em 2014 a escritora Joanna Walsh propôs o projeto #readwomen2014 (#leiamulheres2014) que consistia basicamente em ler mais escritoras, pois o mercado editorial ainda é muito restrito e as mulheres não possuem tanta visibilidade, por isso a importância desse projeto.

as três amigas e ativistas Juliana Leuenroth, Juliana Gomes e Michelle Henriques decidiram levar isso para livrarias e espaços culturais, convidar a todos a nos acompanharem nas leituras de obras escritas por mulheres, de clássicas a contemporâneas e criaram em clube Leia Mulheres, que teve início em São Paulo, logo se expandiu por todo país..

A maioria das pessoas que frequenta o clube não é do meio editorial. Elas têm profissões diversas, e essa troca de experiências é o mais bacana.

Hoje, já tem clubes de leitura em São Paulo, Rio de Janeiro, Boa Vista, Recife, Curitiba, Sorocaba, Itapetininga, Fortaleza, Salvador, Porto Alegre, Campina Grande, Maceió, São Bernardo do Campo, Campinas, Brasília, Belo Horizonte, Sarapuí e Juiz de Fora.

fonte: catraca livre

Podcast Questão de Mulher #15 – A Voz do Brasil e sua Clareza sobre a Mulher!

Para encerrar o ano com chave de ouro, Shideh conversa pessoalmente com o radialista Irineu Toledo. Uma conversa muito gostosa, reflexiva e esclarecedora. Conheça ainda o conceito do amor sem esperança, entenda como implantar o chip da honestidade em uma pessoa e como a visão do homem referente as mulheres vem mudando, para melhor, com o passar do tempo.

Gravação realizada nos estúdios do Café Brasil em São Paulo, contando com o auxílio do amigo, Luciano Pires.

[toggle title=”Links”]
Rádio Positiva.
[/toggle]

[toggle title=”Trilha Sonora”]

[/toggle][toggle title=”Assine e entre em contato”]

FEED, RSS e iTunes (Podcast): Clique aqui!

Página no iTunes: Clique aqui!

Aplicativo Android: Clique aqui!.

Sugestões:
Envie e-mail para: shideh@questaodemulher.com.br ou clique aqui. [/toggle]

 

Mulheres x envelhecimento: um papo sobre beleza

Chegar aos 60 anos e se aposentar não é necessariamente a realidade das mulheres que estão chegando agora à maturidade. Apesar de elas ainda serem vistas erroneamente como um borrão sem nuances, com estereótipos e preconceitos, há um grupo de mulheres que estão reinventando o envelhecimento. A jornalista Marcia Neder explora esses temas em seu novo livro, “A Revolução das Sete Mulheres”, que estuda o perfil das baby boomers, mulheres que nasceram entre 1946 e 1964. São as mesmas que protagonizaram a revolução feminina do século 20: entraram no mercado de trabalho, derrubaram tabus, tomaram a pílula anticoncepcional e se tornaram independentes. Agora, na terceira idade, elas continuam transgressoras, com autonomia conquistada e poder aquisitivo invejável.
“A mulher que chega hoje aos 50 ou 60 anos continua empreendedora, produtiva, bem cuidada e superativa. Ela não está interessada em descansar”, diz Marcia, em entrevista exclusiva ao Adoro Maquiagem. A autora atuou como repórter da Rede Globo e, durante três décadas, cobriu o universo das revistas femininas na Editora Abril. Dirigiu as revistas “Nova” e “Claudia”, e atuou como publisher de títulos como “Elle”, “Estilo”, entre outros. Acompanhou de perto a transformação da condição da mulher no Brasil e no mundo, na segunda metade do século 20. Veja o que ela tem a contar a seguir.

livro - a revolução das 7 mulheres
No livro, você aborda sete perfis femininos de representam a geração 50+ e 60+. Como são essas mulheres?

Primeiro, temos a “realizadora”, que é a mulher empreendedora. Ela montou uma grande corporação e quer usufruir de suas conquistas, mas está preocupada em escolher alguém para tocar o legado dela. A “desbravadora” é a mulher que venceu no mundo masculino. Ela chegou ao topo de uma empresa que era de domínio masculino e fez isso por competência técnica. A “formiga” é aquela que veio de origem humilde e trabalhou muito para vencer na vida. Ela não se interessa por supérfluos, mas gosta de tudo o que é bom. É uma pessoa prática. A “equilibrista” fez muito sucesso e ocupa um alto cargo, porém não conseguiu juntar dinheiro. Essa mulher é culta, preparada e mora bem, mas não tem muitas economias. A “fênix” é a mulher que teve um grande baque no meio da vida e perdeu tudo. Ela chega à maturidade com a vida reconstruída, num momento muito bom. Ela deu duro e agora vai usufrir o que reconquistou. A “comandante” é o eixo da família. É uma profissional de sucesso e, ao mesmo tempo, comanda a estrutura do núcleo familiar. Sem ela, o grupo desmorona, e ela se preocupa com isso. A “exuberante” chega chegando. É amiga de todo mundo. É vaidosa, se cuida e é o centro das atenções. É uma profissional de sucesso, em geral é empresária, empreendedora.

Como você enxerga o futuro dessas mulheres?

Longo, ativo e muito rico. Essas mulheres estão cheias de planos. Estão concretizando sonhos que estavam pelo caminho. Continuam trabalhando, mas mudaram o foco. Por exemplo, entrevistei a Luiza Trajano (a empresária brasileira que comanda a rede de lojas de varejo Magazine Luiza), e ela disse que está saindo do lado operacional da empresa, onde está abrindo caminho para os mais jovens, e está indo para o lado estratégico. Ou seja, parar de trabalhar não passa na cabeça dessas mulheres, elas estão enxergando outra forma de agir. Há uma vibração, uma vitalidade intensa. Elas estão estudando, fazendo cursos que não tiveram tempo de fazer antes.O conceito de velhice se deslocou. Acontece depois dos 80 anos.

Você diz que as baby boomers estão fazendo uma revolução silenciosa no século 21, reinventando o envelhecimento e criando um novo sentido para a maturidade. Que sentido é esse?

O Brasil passa de um país jovem para um país maduro em alta velocidade, porém ele não está preparado, estrutural e culturalmente, para esse envelhecimento. A terceira idade é encarada sem nuances. Os esteriótipos da pessoa velhinha de cabeça branca ou da senhora que quer se parecer com a filha ainda existem. Porém, há uma infinidade de mulheres que são invisíveis aos olhos do mercado de trabalho, da publicidade e da comunicação. As mulheres de 50 e 60 anos da atualidade ainda são empreendedoras. Não querem parar, querem inovar, gerar novos negócios e projetos, desenvolver novas habilidades. Elas estão reinventando a história da mulher outra vez.

Qual é o papel dessas mulheres nessa nova sociedade?

O exemplo que elas estão dando com decisões pessoais é transformador. Por causa delas, emergirá uma nova visão da terceira idade. Esse processo é lento e demorado, mas já está acontecendo. Começou nos anos 70 e deu frutos. Por exemplo, o que a minha geração fez no passado se reflete no fato de que minha filha nasceu com a certeza de que ela é uma igual. Não passa pela cabeça dela que ela precisa provar que é mais capaz do que um homem. E outra, a minha filha, que tem 24 anos, não me vê aos 60 como uma velha. Ela me vê em um momento da vida extremamente rico.

Você diz que as mulheres chegam à maturidade ativas, bonitas e bem cuidadas. Você acredita os produtos de beleza colaboraram para a autoestima dessas mulheres?

Sim. Mas a vaidade dessa mulher não é para não ter rugas, e sim para ter saúde mental. Os produtos de beleza são tijolos nesse todo que é cuidar da saúde. O corpo envelhece mais rápido do que a mente, então elas querem equilibrar esse jogo. Elas adoram se cuidar, passar cremes, controlam a alimentação e o peso, mas pensando na vitalidade. São vaidosas, mas vaidade para elas é ter energia. Gostam dos tratamentos de beleza disponíveis, porém não querem nada invasivo, que as deixem com rostos deformados. O que precisa ser entendido é que essa mulher não quer parecer mais jovem, ela não quer parecer ter 30 anos. Ela está com 60 anos e está muito bem, feliz com o que está realizando. Ela pensa em como vai chegar aos 80 anos.

– Por Larissa Gomes / blog Adoro Maquiagem

Podcast Questão de Mulher #11 – A Dor da Separação vs A Felicidade do Amor!

Neste episódio Shideh conversa com a querida Liese Von Czekus Cavalcanti, que conta para a gente como é a dor da separação, de como é sofrido passar por esses momentos difíceis, mas que há uma luz no fim do túnel, basta acreditar em vocês mesma e ter força, pois sempre existe algo além do horizonte!

[toggle title=”Trilha Sonora”]

[/toggle][toggle title=”Assine e entre em contato”]

FEED, RSS e iTunes (Podcast): Clique aqui!

Página no iTunes: Clique aqui!

Aplicativo Android: Clique aqui!.

Sugestões:
Envie e-mail para: shideh@questaodemulher.com.br ou clique aqui. [/toggle]

 

Podcast Questão de Mulher #8 – Há Pessoas e Há Pessoas!

Neste episódio Shideh conversa com dois amigos especiais, diretamente dos EUA, netos de armênios e americanos, Alena e Cedric Ayvazian, duas lindas crianças que falam de um jeito engraçado e interessante! Ouça essa bela conversa despretensiosa e veja que o mundo pode abrir muito horizontes e que há pessoas e há pessoas!

[toggle title=”Links relacionados ao episódio”]

[/toggle][toggle title=”Trilha Sonora”]

[/toggle][toggle title=”Assine e entre em contato”]

FEED, RSS e iTunes (Podcast): Clique aqui!

Página no iTunes: Clique aqui!

Aplicativo Android: Clique aqui!.

Sugestões:
Envie e-mail para: shideh@questaodemulher.com.br ou clique aqui. [/toggle]

 

Podcast Questão de Mulher #5 – Dulce Magalhães e Novos Paradigmas!

Neste episódio Shideh conversa com a palestrante, escritora, filosofa, Dulce Magalhães sobre seu trabalho como mulher madura e sua visão sobre novos paradigmas. Você apreciará momentos de reflexão e ponderação sobre a vida.

[toggle title=”Links relacionados ao episódio”]

Dulce Magalhães: Site | Facebook | Twitter
[/toggle]

[toggle title=”Trilha Sonora”]

[/toggle]
[toggle title=”Assine e entre em contato”]

FEED, RSS e iTunes (Podcast): Clique aqui!

Página no iTunes: Clique aqui!

Sugestões:
Envie e-mail para: shideh@questaodemulher.com.br ou clique aqui. [/toggle]

Podcast Questão de Mulher #2 – Amigas de Infância!

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher ou melhor ao mês em que se comemora a Mulher, buscamos o exemplo de um trio de meninas que se conhece a 52 anos!
Nancy Delatorre Kairalla e Vivian Garcia, amigas da Shideh da Escola Americana de Campinas, conversam, riem, fazem bagunça e falam de sua história, de seus sonhos, durante estes 52 anos, um bom exemplo de amigas de infância.

Podcast Questão de Mulher #2 – Amigas de Infância! Shideh e duas amigas de infância!

[toggle style=”closed” title=”Trilha Sonora”]

[/toggle]
[toggle title=”Assine e entre em contato”]

FEED, RSS e iTunes (Podcast): Clique aqui!

Página no iTunes: Clique aqui!

Sugestões:
Envie e-mail para: shideh@questaodemulher.com.br ou clique aqui. [/toggle]

Podcast Questão de Mulher #1 – Obaa! Vamos ser Felizes!

Este é um podcast feito por uma mulher para mulheres maduras. Se propõe a ser um canal de relações, um veículo de comunicação entre nós, mulheres. Aqui podemos nos abraçar, rir, chorar, se emocionar, encontrar colo, vivências, informações, enfim falaremos do que quisermos. Aqui o nome do jogo é: SER FELIZ!

Neste episódio recebemos os queridos convidados, Leila Navarro, Dulce Magalhães e o Luciano Pires, para uma conversa sobre onde esse podcast quer chegar, levar uma mensagem de amor a todas vocês. Aperte o play e viaje conosco nessa grande história!

[toggle style=”closed” title=”Links relacionados ao episódio”]

[/toggle]
[toggle style=”closed” title=”Trilha Sonora”]

[/toggle]
[toggle title=”Assine e entre em contato”]

FEED, RSS e iTunes (Podcast):
http://feeds.feedburner.com/PodcastQuestaoDeMulher/

Página no iTunes:
https://itunes.apple.com/br/podcast/podcast-questao-de-mulher/id972403330?l=en

Sugestões:
Envie e-mail para: shideh@questaodemulher.com.br ou clique aqui. [/toggle]