Pesquisa americana afirma que orar traz benefícios à saúde

Médicos notaram que a prática de orar todos os dias evita uma série de doenças e melhora o sistema imunológico.

Uma equipe de profissionais da NewsMax Health pesquisou os efeitos que a oração provoca no cérebro e resultou que há vários benefícios quando a pessoa ora.
Sem promover nenhuma religião os pesquisadores estudaram como a oração afeta o cérebro e o que a prática pode oferecer para a saúde física, mental e emocional das pessoas.

Artigos relacionados:
Descubra se o seu relacionamento é perfeito
Faxinando a Alma
Sentimentos reprimidos podem causar doenças físicas

O resultado dessa pesquisa foi transformado em um vídeo para que um maior número de pessoas possa entender que a oração faz bem para a saúde. A comunidade médica que participou da pesquisa percebeu que a prática muda as quatro áreas do cérebro humano: Lobo Frontal, o córtex cerebral, o Lobo temporais e o sistema límbico.

Os pesquisadores descobriram que orar todos os dias durante um mesmo período pode ajudar a prevenir doenças como a perda de memória, a demência e o Mal de Alzheimer. Fora esses os médicos conseguiram perceber 47 benefícios que foram comprovados cientificamente.
Os mais destacados são que a oração pode diminuir a dor, diminuir o risco de morte por ataque cardíaco, o derrame cerebral, a ansiedade e a depressão. Fora isso ficou provado que orar melhora o sistema imunológico e outros sistemas.

O editor da Newsmax Health, Travis Davis, disse que a pesquisa não promove nenhuma religião e nem prática espiritual, apenas analisa sob uma luz prática o que acontece com três de cada quatro americanos que oram regularmente. “A maioria das pessoas tem consciência das crescentes pesquisas da neurologia que te estudado cientificamente a relação entre o cérebro e os fenômenos espirituais”, diz ele.

fonte: noticias.gospelprime.com.br

8 Benefícios do Inhame – Promova a sua saúde

Aproveite os benefícios do inhame e promova sua saúde!

Ainda desconhecido para alguns, o inhame é um tubérculo cujas vantagens vão muito além do seu sabor. Descubra os principais benefícios do inhame.

Destaca-se pela capacidade de diminuir o “mau” colesterol, melhorar o funcionamento intestinal e fortalecer o sistema imunitário. Por ser altamente nutritivo e medianamente calórico, é uma boa opção também para quem está a seguir uma dieta.

E estes são apenas alguns dos benefícios do inhame. Fonte de fibras, vitamina C, vitaminas do complexo B e minerais como potássio e fósforo, o inhame também é rico em hidratos de carbono complexos, e pobre em gorduras saturadas e sódio.

PORQUE DEVE COMER INHAME?

Graças às suas propriedades nutricionais, a introdução deste tubérculo na sua alimentação proporciona ao organismo e à saúde inúmeras mais-valias. Confira alguns dos principais benefícios do inhame.

1. AJUDA NA SAÚDE DO CORAÇÃO

O inhame contém vitamina B6 (piridoxina) e B9 (ácido fólico), dois nutrientes que ajudam a controlar os níveis de homocisteína no organismo e reduzem o risco de doença cardíaca.

Para além disso, é rico em potássio e vitamina C, dois nutrientes que reduzem a pressão arterial e possibilitam a dilatação dos vasos sanguíneos, melhorando o fluxo de sangue para o coração e ajudando a prevenir o aparecimento de hipertensão.

2. CONTROLA OS SINTOMAS DA TPM E DA MENOPAUSA

rugas

O inhame é rico em diosgenina, uma substância que tem a estrutura similar aos estrogénios humanos e auxilia na regulação hormonal feminina, equilibrando os níveis de alguns hormonios e melhorando os sintomas de tensão pré-menstrual (TPM) e da menopausa. Há estudos que relatam que o consumo de inhame pode ser útil nos casos de endometriose, doença fibrocística da mama e fibrose uterina.

3. PROTEGE A VISÃO

Se quer preservar e proteger a saúde dos seus olhos, o inhame é uma boa opção. O seu teor em vitamina A e C ajuda a prevenir a degeneração macular, uma condição na qual a visão fina se deteriora, resultando na perda da visão central, e as cataratas. A vitamina A também melhora a visão noturna e hidrata os olhos, evitando o aparecimento de úlceras ou feridas nas pálpebras.

4. FORTALECE O SISTEMA IMUNOLÓGICO

Este pode muito bem ser um dos principais benefícios do inhame para a saúde. Por ser fonte de vitamina C e zinco, dois nutrientes essenciais para o funcionamento do organismo, o consumo de inhame ajuda a fortalecer o sistema imunológico, responsável pela defesa do organismo.

Saiba mais sobre super alimentos:
Folhas de Louro – muito mais do que um tempreo
Alimentos que combatem a depressão
Ser Alcalino

5. FAZ BEM AO CÉREBRO E AO SISTEMA NERVOSO

As vitaminas do complexo B, o potássio e o fósforo que se encontram no inhame fazem com que este tubérculo seja benéfico para a melhoria da saúde do sistema nervoso e da memória, já que são responsáveis por levar o oxigénio às células e nervos. Por exemplo, enquanto a niacina (vitamina B3) estimula a memória e diminui o impacto do stress do dia-a-dia, a tiamina (vitamina B1) é fundamental para a transmissão dos impulsos nervosos.

6. PREVINE O APARECIMENTO DE CÂNCER

Graças à presença de vitamina A e C, o inhame é um excelente antioxidante, protegendo o corpo dos radicais livres que causam stress oxidativo, o qual está associado a diferentes tipos de cancer, incluindo o do pulmão, cólon, estômago e esófago.

7. EVITA PICOS DE AÇÚCAR NO SANGUE

O inhame é uma fonte de hidratos de carbono complexos que contribuem para a lenta absorção dos açúcares para o sangue, ou seja, promove uma lenta subida glicémica. Esta situação é particularmente benéfica para as pessoas que sofrem de diabetes, pois evita a ocorrência de picos de açúcar no sangue ou hipoglicemias.

8. AJUDA A CONTROLAR O PESO

O inhame também é amigo da silhueta ou de quem está a fazer dieta. Graças às suas fibras solúveis, a digestão e a absorção do açúcar para o sangue é feita mais lentamente, conferindo saciedade por mais tempo, mais energia e um trânsito intestinal regular.

A nível energético, apresenta cerca de 118 calorias por cada 100 gramas e ser consumido para uma alimentação saudável, equilibrada e variada.

CUIDADOS A TER NO CONSUMO DE INHAME
O funcionamento do sistema endócrino é bastante delicado e a diosgenina que se encontra na sua composição pode alterá-lo. Por essa razão, as grávidas e lactantes devem evitar o seu consumo.

fonte: www.vidaativa.pt

“Bexiga caída”- Causas, Sintomas e Tratamentos

O prolapso da bexiga (conhecido como cistocele) é uma doença na qual a bexiga desce na vagina.

Uma bexiga caída é uma condição em que a parede entre a bexiga urinária e a vagina enfraquece, causando um deslizamento da bexiga da sua posição anatómica.
A bexiga femenina desce gradualmente na vagina causando dor durante a micção.
Esta doença também é conhecida como prolapso da bexiga ou cistocele. Em alguns casos, pode provocar o esvaziamento da bexiga com tosse, rindo ou espirros mínimos.

A cistocele pode ser classificada em três graus:

  • Grau 1 (a bexiga desce na vagina, é leve),
  • Grau 2 (a bexiga quase cai na abertura vaginal),
  • Grau 3 (a bexiga sobressai da abertura vaginal).
  • Mais de uma vez, uma mulher que sofre desta desordem devido a esforço muscular intenso durante o parto, um levantamento de pesos pesados ou evacuação intestinal forçada ou enfraquecimento da musculatura do assoalho pélvico.

    Causas de prolapso da bexiga

    Na maioria das mulheres, a parede vaginal pós-parto recupera a força ao longo do tempo.
    No entanto, no caso de mulheres que deram à luz a muitas crianças, pode acontecer que a parede vaginal não recuperar a força.
    Essas mulheres estão em risco de haver um prolapso.
    O estrógeno é um hormônio responsável pela saúde dos músculos vaginais e de uma forte parede vaginal.
    Após a menopausa, a produção de estrógeno pára e resulta no enfraquecimento dos músculos do assoalho pélvico podendo causar o problema.

    Essa situação pode ocorrer em uma pessoa cujo trabalho requer o levantamento de objetos pesados.
    Pode acontecer devido à pressão exercida pelo esforço durante a defecação.
    O esforço causado pela tosse durante um longo período de tempo ou uma prisão de ventre de longo prazo pode afetar a força dos músculos pélvicos.
    Em alguns casos, a gravidez pode causar um prolapso da bexiga devido à pressão do bebê sobre a bexiga.

    Sintomas de prolapso da bexiga

    • O paciente pode ter uma sensação de plenitude na área vaginal e na bacia.
    • Uma sensação de evacuação incompleta após a micção
    • A presença de algo que sobressai da vagina.
    • Incontinência urinária (provocada por tossir, risada, espirros, etc).
    • Perda de urina durante a relação sexual.
    • Dificuldade de esvaziar a bexiga
    • Às vezes inchaço na vagina
    • Sensação de pressão na vagina
    • Dor na coluna lombar
    • Dor vaginal durante a relação sexual
    • Dor no baixo ventre
    • Infecção da bexiga (recorrente).
    • Depressão
    • Perda da auto-estima
    • Menor atividade social e sexual, ou ausência.

    Diagnóstico do prolápso da bexiga

    O médico a quem procurar é o ginecologista.
    Se o médico suspeita de um cistocele, examina a história clínica completa da mulher junto com sinais físicos.
    As mulheres nos anos da menopausa e aquelas que tiveram muitos partos têm um risco maior de desenvolver este problema em relação as outras.
    Para confirmação das anomalias de bexiga, geralmente é efetuado uma uretrocistografia miccional.
    A uretrocistografia miccional é um exame onde é efetuada uma radiografia da bexiga durante a micção. Isso ajuda o médico a examinar a forma da bexiga.
    Também ajuda a verificar os problemas relacionados com o fluxo de urina.
    Quando os médicos são capazes de determinar o grau de prolapso da bexiga, pode recomendar os cuidados mais adequados.

    O que fazer? Tratamento para prolapso da bexiga

    O tratamento do cistocele baseia-se na gravidade. Para os casos leves sem sintomas, o tratamento envolve reabilitação perineal com a Fisioterapia Pélvica.
    Em casos moderados, é aconselhável usar um pessário.
    Esta ferramenta é um anel de borracha que você inserir na vagina e a bexiga mantém-se na sua posição normal.
    Às vezes (como uma alternativa), recomenda-se um tampão ou um diafragma.
    Na maioria das vezes, esta é uma solução temporária antes da cirurgia.
    Os médicos também recomendam um tratamento com estrogênio para pessoas que sofrem de sintomas da menopausa e Fisioterapia Pélvica para o fortalecimento do assoalho pélvico ou como pré e pós cirúrgico. O ideal seria realizar os exercícios para a prevenção.
    A cirurgia é indicada se o paciente tem um prolapso bem visível da vagina e tem problemas na realização das atividades diárias.

    O que acontece durante a cirurgia para prolapso?

    Os casos graves de prolapso podem ser resolvidos apenas com cirurgia para reposicionar os órgãos que caíram e restaurar a estrutura de apoio.
    A operação é feita sob raquianestesia (o paciente permanece acordado na metade superior do corpo) ou anestesia geral.

    A operação é bastante simples:
    O cirurgião faz uma incisão na vagina e em seguida, aplicar uma malha biocompatível e não absorvível no tecido para apoiar a vagina.
    Esta malha, pode ser colocada na frente ou atrás da parede da vagina, ou ambos, dependendo do tipo do prolapso.
    Outra malha pode ser colocada na parte superior da vagina ou na cérvix para apoiar a vagina.
    Após a operação, administrar-se antibióticos para reduzir a possibilidade de infecção da bexiga.

    Sem os exercícios o prolapso e incontinência podem retornar.

    Previna-se!

    Procure um Fisioterapeuta uroginecológico.

    Saiba mais sobre problemas urinários:
    Perder urina não é normal

    andreaterezinha@hotmail.com
    Andréa Terezinha Alves
    Fisioterapeuta uroginecológica

    Seus cabelos são aquilo que você come! Aprenda o que pode e o que não pode.

    Sabemos que existe uma correlação direta entre o que comemos e saúde do cabelo.
    Os cabelos compõem-se 90% da proteína, 18 aminoácidos, 8% de água, lipídeos, pentoses, glicogênio e ácido glutâmico, e 2% dos minerais de ferro, cobre, zinco, alumínio e cobalto.
    Regimes radicais, restrições alimentares e dietas com falta de proteínas, vitaminas ou óleos essenciais podem alterar a estrutura do cabelo, determinando o afinamento, a perda do brilho e a interrupção do crescimento dos fios.
    Para que seu cabelo se mantenha saudável, bonito e com brilho tenha uma alimentação completa e saudável. Ingira uma porção de cada grupo alimentar. Proteínas magras, carboidratos integrais e gorduras benéficas. Consuma diariamente verduras, legumes e frutas para ajudar na reposição de vitaminas e sais minerais.

    Quais são as substâncias e alimentos que contribuem para a saúde dos cabelos?
    • Vitamina C (Fonte: presente em frutas cítricas e tomate)
    • Vitamina A (Fonte: óleo de fígado de peixe, espinafre, cenoura, gema de ovo, vegetais amarelos ou verde-escuros, melão e pêssego);
    • Vitaminas do complexo B (Fonte: carnes magras, peixes, frutos do mar, leite, vegetais folhosos, cereais integrais, legumes, grãos e nozes);
    • Zinco, Cobre, Ferro, Iodo (Encontrados principalmente em: carnes vermelhas e brancas, fígado, frutos do mar, gérmen de trigo, cereais integrais, peixes de água salgada, dentre outros);
    • Evite períodos de jejum prolongado – Se alimente de 3 em 3 horas = os níveis de energia dos folículos capilares diminuem prejudicando os cabelos).
    • Evite tomar café ou chá exageradamente.
    • Caso sua dieta seja vegetariana => tente consumir produtos ricos em proteínas como ovos e alimentos a base de soja.
    • Beba em média 2 litros de água ao dia.

    ATENÇÃO!!
    Fatores como hereditariedade, alterações hormonais, uso de medicamentos, carência nutricional (por exemplo deficiência de ferro), dietas restritas, ciclos menstruais irregulares ou intensos, alteração da tireóide , ovário policístico, entre outros; podem interferir na saúde dos cabelos. Nestes casos procure aconselhamento nutricional ou/e médico.

    Saiba mais sobre como manter a saúde do seu cabeo de forma natural:

    Regras para manter seu cabelo saudável
    Alternativa natural ao shampoo

    SusanTribess
    Autora: Susan Tribess
    Nutricionista

    Alimentos que combatem a depressão

    Tem se sentindo triste e deprimida ultimamente?

    Num episódio depressivo a pessoa pode se sentir sem energia, com o humor afetado, sem interesse e sem vontade de fazer tarefas comuns da sua rotina, além dos sintomas físicos como dor de cabeça, dor de estômago e outros qu variam de pessoa para pessoa. O nosso cérebro produz substâncias chamadas de neurotransmissores que controlam inúmeras funções cerebrais. Um destes neurotransmissores, a serotonina, é capaz de dar ao cérebro sensação de bem-estar, regulando nosso humor e também dando sensação de “saciedade”.
    Certos alimentos têm propriedades específicas para despertar e estimular suas glândulas e hormônios e desencadeiam felicidade.

    Fizemos uma listinha de alimentos que ajudam a combater estes estados de negatividade de forma muito eficaz. Afinal, nós somos o que comemos!

    ACELGA
    Acelga é um vegetal raramente utilizado, que contém uma grande quantidade de magnésio. Este nutriente é uma parte importante de reações bioquímicas que aumentam os níveis de energia no corpo humano.Um estudo da Austrália e da Nova Zelândia em 2012 descobriu que os níveis de magnésio baixos estão associados com sintomas de depressão mais elevados.

    BATATA DOCE
    Beta caroteno e vitamina B6 são encontrados em batata-doce. Ambos são responsáveis pela saúde mental, além que a vitamina B6 funciona como um impulsionador de humor. É usado para tratar pessoas que sofrem de vários tipos de transtornos do humor.

    CASTANHA DO PARÁ, NOZES E AMÊNDOAS
    Elas são ricas em selênio, um poderoso agente antioxidante. Segundo a nutricionista Abykeyla Tosatti, elas colaboram para a melhoria dos sintomas de depressão, auxiliando na redução do estresse. As quantidades diárias recomendadas são duas a três unidades de castanha-do-pará ou cinco unidades de nozes ou 10 a 12 unidades de amêndoas. Mas também dá para fazer um mix saboroso dessas oleaginosas.

    TOMATE CEREJA
    Além do fato de que estes tomates são muito bonitos, eles servem como um grande ingrediente em saladas, e também podem prevenir a depressão. O licopeno componente encontrado no tomate cereja tem antioxidantes que são responsáveis por melhorar o nosso humor.
    Os tomates comuns também têm essa qualidade. Sempre tente cozinhar apenas o suficiente para enrugar as peles, e adicionar um óleo saudável, como azeite de oliva virgem, óleo de coco ou óleo de canola. O Óleo vai ajudar a liberar o licopeno e melhor absorvível pelo seu corpo.

    CARNES MAGRAS E PEIXE
    As carnes são ricas em creatina que ajuda a combater a depressão especialmente nas mulheres. O triptofano, presentes nestas fontes de proteína, ajuda no combate da depressão e melhora o humor, pois aumenta a produção de serotonina, que exerce grande influência no estado de humor, pois é capaz de reduzir a sensação de dor, diminuir o apetite, relaxar, criar a sensação de prazer e bem-estar e até induzir e melhorar o sono. Ela recomenda entre uma e duas porções por dia, principalmente de peixes como atum e salmão.

    CHÁ DE CAMOMILA
    Chá quentinho é o remédio perfeito durante o período de stress. Em um recente estudo com adultos com leves a moderados níveis de ansiedade que tomaram extrato de camomila durante oito semanas apresentaram maiores reduções na ansiedade do que aqueles que tomaram um placebo.

    Além disso, a camomila é excelente para quem deseja dormir melhor. Ela faz com que o corpo e a mente possa obter o descanso que tanto necessita.

    GRÃOS VARIADOS
    Existem carboidratos amigáveis e carboidratos ruins, os bons carboidratos ajudam a combater a depressão e a ansiedade. Esta é mais uma das razões pela qual você não deve temer carboidratos.
    Produtos de grãos integrais são mais indicados… Pois fornecem energia e alivia a prisão de ventre; você pode não ter uma gargalhada, mais com certeza ira se sentir bem mais calmo.
    O selênio encontrado em grãos integrais aumenta a imunidade e combate os radicais livres. É uma maneira eficaz de evitar doenças; Selênio também alivia a prisão de ventre, o que evita outros problemas de saúde.

    QUEIJO, LEITE E IOGURTE
    Eles são fontes de cálcio, mineral que elimina a tensão e depressão. O cálcio ajuda a reduzir e controlar o nervosismo e a irritabilidade. Ele participa também das contrações musculares, dos batimentos cardíacos e da transmissão de impulsos nervosos e regulariza a pressão arterial.
    O zinco é o principal mineral que você precisa para afastar a depressão. Nosso corpo não produz zinco suficiente, então o queijo é uma grande fonte natural de Zinco e você pode usar isso a seu favor. Ele melhora a textura do cabelo e da pele, ajuda no desenvolvimento de células e constrói nossas respostas cognitivas. Procure comer verduras de folhagens verdes como couve, espinafre, alface, que também são ótimas fontes de cálcio.

    OVOS
    Eles são uma boa fonte de tiamina e a niacina (vitaminas do complexo B), que colaboram com o bom humor. O recomendado é uma unidade por dia, no máximo. Quem tem colesterol alto deve se preocupar com o consumo em excesso, e evitar, principalmente a versão frita.

    ESPINAFRE
    Espinafre é um vegetal versátil com inúmeros benefícios à saúde, mas você sabe que as ele tem vários benefícios que ajudam também a saúde Mental?
    Além de conter ferro, o espinafre é rico em ácido fólico, que faz você se sentir muito mais feliz.
    Além disso, o ácido fólico melhora a saúde das células vermelhas do sangue e do sistema imunológico, protegendo nosso corpo dos problemas de saúde que absorvem a nossa felicidade.

    BRÓCOLIS
    Essa hortaliça contém doses fartas de ácido fólico, mineral que tem sido associado a distúrbios psiquiátricos, inclusive à depressão, quando em escassez. Cerca de 30% dos pacientes depressivos têm deficiência de ácido fólico, segundo apontam alguns estudos. Recomendação de consumo: quatro buquês, pelo menos quatro vezes por semana

    FEIJÃO
    Consumir grãos sem cozinhar pode causar flatulência em algumas pessoas, mas os feijões são excelentes fontes de proteínas para vegetarianos. Em outras palavras, feijão contém antioxidante muito mais rico do que as varias frutas e legumes.
    Aminoácidos em proteínas e ferro ajudam a combater transtornos mentais. Como diz o ditado um cérebro saudável é um cérebro feliz.
    Os feijões são excelentes fontes de magnésio. Este mineral desempenha um papel importante na produção de energia para o corpo. Quando você se exercita, o magnésio é distribuído por todo o corpo para ajudar a moléculas de energia a chegar até onde elas são necessárias.
    A deficiência pode causar cansar cansado mais facilmente. Se você se exercita regularmente, você precisa saber que você perde um pouco de magnésio através do suor.
    Uma xícara de feijão branco tem 135 miligramas deste nutriente e uma xícara de ervilhas congelada oferece 33 miligramas de magnésio.

    Frutas
    A próxima vez que você se sentir desanimado, coma bananas, elas fornecem energia, ajudam no desenvolvimento de células e promovem a saúde do seu sistema nervoso.
    Se você está com raiva, irritado, deprimido ou mesmo estressado você esta com falta de vitamina B, compre bananas como elas são a fonte natural de vitamina B.
    Frutas
    Melancia, abacate, mamão, banana, tangerina e limão são conhecidos como agentes do bom humor. Todas estas frutas são ricas em triptofano, aminoácido que ajuda na produção de serotonina.
    Laranja e maçã ganham destaque porque fornecem ácido fólico, cujo consumo está associado a menor prevalência de sintomas depressivos. Além disso, por ser rica em vitamina C, a laranja promove o melhor funcionamento do sistema nervoso, garante energia, ajuda a combater o estresse e previne a fadiga.
    Frutas vermelhas: amoras, morangos e cerejas são ricas em antocianidina, um poderoso antioxidante que defende o organismo contra os ataques dos radicais livres, e ajudam a modular o humor, afastando o baixo astral. São também ricas em vitamina B6, coadjuvante no metabolismo de substâncias que regulam o ânimo. Recomendação de consumo: uma porção de 50 gramas por dia
    É recomendado o consumo de três a cinco porções de frutas todos os dias.

    Artigos Relacionados:
    Está sempre com fome? Falta um nutriente na sua dieta.
    Descubra a importância de ser alcalino
    Atenção ao seu ìndice glicêmico.
    7 alimentos e suplementos poderosos para um envelhecimento saudável
    Comidas que vão dar um up no seu cansaço

    BETERRABA
    Elas contêm uma grande quantidade de vitaminas e nutrientes que são responsáveis pela luta contra a depressão: Uridine, folato e magnésio. Estes minerais ajudam no reforço da sua disposição, uma vez que funcionam como neurotransmissores.

    OSTRAS
    Como mencionado no início, alguns alimentos podem estimular as glândulas para liberar certos hormônios que melhoram a mente e o corpo. Neste caso, as ostras são uma excelente fonte de iodo, zinco, selénio, que ajudam nas funções da glândula tiroide.
    Na verdade, essa glândula é útil para estimular a felicidade e responsável pelo controle do peso saudável.

    MEL
    Esse alimento estimula a produção de serotonina, neurotransmissor responsável pela sensação de prazer e bem-estar. Para usufruir dos benefícios, duas colheres de sobremesa, ao dia, são suficientes.

    PIMENTA
    Contém capsaicina (substância responsável pelo ardido) que estimula as terminações nervosas da língua, aumentando a produção de endorfinas, que conferem sensação de euforia. As mais poderosas para o humor são: malagueta, de cheiro, dedo-de-moça e vermelha. Recomendação de consumo: doses diárias, em pequena quantidade (? da pimenta), junto à comida. Evite as industrializadas, por conta do excesso de conservantes

    TOFU (queijo da soja)
    É uma excelente fonte de magnésio, mineral que atua na regulação do metabolismo cerebral e participa da metabolização de alguns aminoácidos, como triptofano. A deficiência de magnésio resulta em fadiga e na falta de enzimas necessárias para a produção de energia. Contém ainda colina, substância que melhora o desempenho mental, por prevenir alterações da membrana celular e da mielina, substância que envolve os nervos. O tofu também é rico em cálcio e ferro, minerais que, quando escassos, podem causar cansaço crônico e anemia. Recomendação de consumo: uma fatia média todos os dias.

    CHOCOLATE
    Além de ser fonte de triptofano (precursor da serotonina), o cacau concentra outras substâncias benéficas para o humor, como a estimulante teobromina, a feniletilamina e o magnésio, que ajudam a elevar o astral. Ele contém ainda compostos que minimizam a degradação da anandamida, uma substância que prolonga a sensação de bem-estar. Recomendação de consumo: de 20 a 30 gramas diárias de chocolate com pelo menos 70% de cacau

    fontes: www.minhavida.com.br; dieta.blog.br; noticias.uol.com.br

    Melissa Corrêa
    Melissa Corrêa
    Designer, Marketeira, melissacorrea.niponica.net

    Série: Como manter o equilíbrio emocional, mental e físico?

    Hoje vim expor pra vocês leitoras a importância de se manter o equilíbrio emocional, físico e mental, porque muitos clientes meus abordam que um dos pontos principais a ser trabalhado para atingirem suas metas é manter-se equilibrado emocionalmente.
    Se pudéssemos reconstruir um eu diferente a partir de hoje como seria?
    Qual percepção você tem de si mesma nos primeiros segundos de pensamentos quando você enfrenta uma dificuldade/ contrariedade?
    O que esses pensamentos proporcionam em sua saúde mental e física?

    Tenho certeza que todos irão responder que diversos pensamentos que você lança em sua mente atualmente tem descrença em futuros, procrastinação, limitações do seu eu e que sua crença sobre sua saúde poderia melhorar.
    Esse assunto acredito ser infinitamente complexo e há várias percepções notórias sobre ele, só que nesse momento iremos começar com uma série sobre chakras, pois eles nos ajudam e nos transpõe energias que nos auxiliam em diversos aspectos de nossa vida.

    O QUE SÃO CHAKRAS?
    Chakras (sânscrito ‘roda’ ou ‘disco’) são vórtices de energia localizadas nos corpos sutis dos seres humanos. Sua tarefa é a recepção, armazenamento, processamento e distribuição de energia chamada prana (energia vital, força de sustentação dos seres vivos). Cada um destes centros é como uma flor aberta e tem certas cores que são mais ou menos brilhante de acordo com o estado evolutivo da pessoa. Existem sete chakras principais localizados ao longo da coluna vertebral.
    Eles influenciam a nossa atividade através do funcionamento das glândulas endócrinas. Estas glândulas afetam nosso funcionamento corporal, equilíbrio mental e integridade emocional.
    Os chakras estão alinhados em uma coluna ascendente a partir da base da coluna até o topo da cabeça. Em práticas contemporâneas, a cada chakra é atribuída uma cor e são visualizadas como flores de lótus com número diferente de pétalas em cada chakra.
    Os chakras vitalizam o corpo sendo associado com a natureza física, emocional e mental. A função dos chakras é manter a saúde espiritual, físico, emocional e mental equilibrados.
    Despertar, desatrofiar, funcionar tais chakras é o magno desafio a que nos propomos para alcançar desta maneira a saúde e o desenvolvimento harmonioso das nossas infinitas possibilidades latentes. Este feito prodigioso é certamente possível mediante uma disciplina esotérica e psicológica diária, que nos recompensará com vibrações cada vez mais positivas e com estados de felicidade cada vez mais palpáveis. Os chakras são os sentidos que nos conecta às realidades das dimensões suprassensíveis do hiper espaço, que traduzido à luz das escrituras sagradas de todos os tempos são os céus, os mundos superiores, ou mundos inefáveis.

    Saiba mais sobre como manter a sua saúde mental e emocional em dia:
    Como manter a sua motivação
    Como virar o jogo em 10 passos
    5 regras simples para ser feliz
    Dicas para manter a sua energia em alta

    1ª SÉRIE: CHAKRA CORONÁRIO

    chakra coronário

    Consciência do Espírito

    Sahasrara – Lótus de mil folhas

    Cor violeta – mil pétalas

    Pedras: ametista, cristal de rocha, diamante, celestite, cristal incolor, violeta e dourado.

    Situa-se no alto da cabeça, como uma coroa. É ligado à glândula pineal, que é responsável pela produção de melatonina, substância reguladora do sono. É o portal da espiritualidade, por onde nos ligamos ao universo.

    Relaciona-se com a glândula pineal, sua cor é violeta, e está diretamente ligado à espiritualidade, ao contato com o Eu Superior, canalização e meditação. Fisicamente, rege nossa cabeça e o sistema nervoso central. É através do chakra coronário que entram no corpo as energias de transmutação, purificação e espiritualidade. As pedras que trabalham no sétimo chakra são as de cor branca transparente (incolores), violeta e dourada.

    Para ativar e energizar o sétimo chakra com um cristal de quartzo, sugerimos o seguinte exercício de meditação: Prepare o ambiente com incenso e música suave. Escolha a posição mais confortável para seu corpo, de preferência sentado numa cadeira de espaldar reto para manter as costas eretas. Concentre-se praticando um relaxamento que se inicia pelos pés, subindo lentamente até a cabeça, e mentalize luz branca em volta de todo o seu corpo, para proteção. Segure com a mão direita um cristal de quartzo ligeiramente inclinado, com a ponta direcionada a seu chakra coronário, mantendo uma distância de 10 a 12 centímetros. Feche os olhos e mentalize um raio de luz branca saindo pela ponta do cristal e penetrando em seu corpo através do chakra coronário, abrindo-o e energizando-o. Mantenha o cristal em constante movimento giratório, no sentido horário (sentido que desbloqueia o chakra, por três a cinco minutos. Depois, baixe seu braço direito e, mantendo o cristal em suas mãos e os olhos fechados, perceba quaisquer sensações, luzes, cores, imagens ou intuições. Terminada a meditação, é bom anotar as sensações para comparação com experiências futuras. Pode não ocorrer manifestações num primeiro momento, mas com a prática e a regularidade.

    Exercite e confie! Com a prática desbloqueará esse chakra e se sentirá melhor.

    Fontes:
    www.concienciadeser.es
    http://gnosisbrasil.com
    www.xamanismo.com.br

    Lívia Croce Coach, Empresária, Palestrante e Consultora Empresarial www.vivavocejf.com
    Lívia Croce
    Coach, Empresária, Palestrante e Consultora Empresarial
    www.vivavocejf.com

    Receita para ajudar a acelerar o crescimento do cabelo

    O nosso cabelo cresce lentamente, na maioria dos casos leva cerca de 1 mês para crescer apenas 1 cm, mas muitas pessoas nem têm essa sorte e mal vêm seus fios a crescer.
    Dos fatores que contribuem para o retardamento do crescimento e para a falta de saúde capilar são por exemplo, o fumo, a bebida em excesso, o uso diário de produtos químicos agressivos, como shampoos, tintas e outros usados em tratamentos como progressivas e alisamentos, conforme comprovou Katherine Martinko , assim como o estresse e muitas vezes problemas hereditários.

    Antes de iniciar qualquer tipo de tratamento é preciso corrigir hábitos nocivos, caso contrário as chances de sucesso são ainda menores.

    A primeira dica é hidratar os fios bebendo muita água.
    Depois é preciso cuidar da alimentação, consumindo frutas, verduras e gordura e proteína de boa qualidade como por exemplo: brotos, castanhas, sementes de girassol, abóbora, linhaça, quinoa, cogumelos, peixes como sardinha e bacalhau.

    O óleo de coco tem muitos usos medicinais e também é ótimo para a pele e o cabelo.
    Ele tem uma poderosa capacidade hidratante, é facilmente absorvido e faz uma profunda limpeza no couro cabeludo.

    Esta receita caseira e totalmente natural combina óleo de coco com outros óleos medicinais que também possuem a capacidade de estimular o crescimento dos fios.

    INGREDIENTES

  • 1 colher (chá) de azeite extravirgem de oliva
  • 2 gotas de óleo essencial de tea tree*
  • 2 gotas de óleo essencial de alecrim*
  • Meia xícara de óleo de coco
  • * Vende em lojas de produtos naturais ou de artigos para aromaterapia

    MODO DE PREPARO

    Coloque o óleo de coco em um recipiente de vidro e adicione aos poucos os outros ingredientes.
    Mexa muito bem, para que os óleos fiquem suficientemente misturados.
    Mantenha a mistura em um recipiente fechado.

    estimulador%2Bdo%2Bcabelo%2B-%2B%25C3%25B3leo%2Bde%2Bcoco%2B-%2Bcabelo

    MODO DE APLICAÇÃO

    Aplique o produto no couro cabeludo seco, antes de tomar banho.
    Cubra com uma touca e deixe agir durante 15 minutos.
    Em seguida, lave seu cabelo como de costume.

    Veja aqui mais receitas caseiras com óleo de coco.

    Melissa Corrêa
    Melissa Corrêa
    Designer, Marketeira, melissacorrea.niponica.net

    Economia doméstica para começar 2016 com pé direito!!!

    Oi pessoal! Tudo bem?

    Vamos tentar começar o ano de 2016 com as dívidas zeradas e com eliminação de gastos supérfulos. Um dos maiores gastos é o do dia a dia. Aconselho vocês a fazerem uma retirada semanal de quanto irão gastar e tentar fazer o máximo possível para não desviar para produtos desnecessários.

    pouparPor isso hoje estou aqui para dar uma dica para diminuir os gastos com alimentação e continuar mantendo uma alimentação saudável. É de grande importância a nossa alimentação ao longo da vida, assim como a prática de exercícios físicos para aumentar o bom triglicérides e dar mais ânimo em nosso dia a dia. E pedi minha amiga Vanessa Almeida pra me indicar alguns alimentos de maior abundância nesse mês de dezembro que poderá sair mais barato no seu bolso:

    Frutas: abacaxi, ameixa, banana-prata, cereja, coco verde, damasco, figo, tâmara, framboesa, graviola, kiwi, laranja-pera, limão, lichia, maçã, manga, maracujá, melancia, melão, nectarina, pêssego, romã e uva.
    Verduras: almeirão, cebolinha, endívias, erva-doce, folha de uva, hortelã, orégano, rúcula, salsa e salsão.
    Legumes: abobrinha, beterraba, cenoura, cogumelo, pimentão, tomate e vagem macarrão, cogumelo.

    Uma excelente receita para melhorar nossa imunidade é o suco verde sendo tomado de manhã ao invés do tradicional café. Eu mesma pude comprovar isso, dentro de 10 dias emagreci um quilo melhorando minha alimentação. Comi mais frutas durante o dia evitando muitas frituras, em alguns momentos substitui o pão francês por tapioca com queijo minas.

    Uma das minhas receitas de suco verde é:

  • 250 ml de água
  • 1 folha de couve
  • meia maçã
  • 1 banana
  • 1 pedacinho de gengibre
  • sumo de meio limão
  • Bater tudo no liquidificador e tomar.

    Existem várias maneiras de fazer o suco verde, aos poucos você poderá ir adaptando com o que tem na geladeira, como beterraba, cenoura, mamão, dentre outros.

    Dessa forma melhorará sua imunidade e ainda vai economizar!
    Semana que vem te mais dicas!!!

    Lívia Croce Coach, Empresária, Palestrante e Consultora Empresarial www.vivavocejf.com
    Lívia Croce
    Coach, Empresária, Palestrante e Consultora Empresarial
    www.vivavocejf.com

    O índice glicêmico é aliado da dieta

    Conhecer o índice glicêmico auxilia na perda de peso e ajuda a controlar a gula.

    Usado como um aliado de quem pretende controlar aumento de peso, diabetes e doenças cardiovasculares, o índice glicêmico (IG) ganha popularidade cada vez maior no Brasil. Se antes ele estava restrito a conversas entre profissionais da saúde, hoje em dia os fabricantes até já cogitam incluir essa informação nos rótulos dos produtos.

    Enquanto isso não acontece, pode ir se familiarizando com este indicador nutricional. Ele mede a velocidade com que os níveis de insulina aumentam em resposta à rapidez com que a glicose entra na corrente sangüínea.

    Para entender melhor o que isso quer dizer, basta olhar para o seu prato de comida. Grande parte dos alimentos, em especial os carboidratos, são transformados em glicose no organismo e glicose nada mais é do que um tipo de açúcar, usado como fonte de energia por todos os nossos órgãos. A insulina, hormônio produzido pelo pâncreas, é que transporta a glicose pelo sangue até as células e mantém os níveis de açúcar estáveis.

    Altos níveis de Glicose aumentam a excreção do hormônio insulina, que em excesso é prejudicial ao organismo (hiperinsulinemia). Isso pode levar a ganho de peso, diabetes tipo II,. hipertensão arterial e doenças cardiovasculares.

    Os alimentos estão divididos em três categorias de índice glicêmico: baixo (IG menor ou igual a 55); médio ( IG de 56 a 69) e alto (maior ou igual a 70). Quanto maior a quantidade de insulina exigida para que o alimento seja metabolizado, maior é seu IG. Ou seja, o índice revela a velocidade com que cada guloseima será absorvida pelo organismo.

    – FONTES DE CARBOIDRATO: pão, batatas, arroz, tubérculos, verduras, frutas, açúcar, doces e muitos alimentos industrializados.

    O ALIMENTO COM CARBOIDRATO QUANDO INGERIDO, CONVERTE-SE EM GLICOSE ENTRA NO SANGUE CHEGA A CADA CÉLULA FORNECE ENERGIA OU TRANSFORMA-SE EM GORDURA.

    – Isso acontece com todos os alimentos que contem carboidrato, quer seja uma cenoura ou um pedaço de bolo. O que difere é exatamente a rapidez com a qual isso ocorre.
    Em termos muito simples, o IG é a medida dessa velocidade. Alimentos com índice glicêmico alto são rapidamente convertidos em glicose, enquanto alimentos de índice glicêmico baixo são convertidos mais lentamente. Por isso dizemos que: “DEVAGAR É O CORRETO”

    ALIMENTOS DE BAIXO IG LEVAM MAIS TEMPO PARA SEREM DIGERIDOS, PORTANTO A SENSAÇÃO DE SACIEDADE SE PROLONGA POR MAIS TEMPO.

    PARA BAIXAR O IG DE QUALQUER REFEIÇÃO:

    Sopa: Inclua proteína (peixe, frango, carne magra), legumes e verduras;

    Massa: Use as integrais com mais fibra. Prepare-as al dente e misture proteína e/ou

    Risoto: Troque o arroz branco por arroz integral ou acrescente farinha de linhaça;

    Sanduíche: Prepare-o com pão integral (com grãos), frango, peixe ou carne magras e acrescente folhas verdes, acrescente uma fibra também (salpique farinha de linhaça);

    Bolo, Biscoito e Panqueca: Substitua a farinha de trigo branca por farelo e aveia ou farinha de coco ou farinha de amêndoas, acrescente também semente de linhaça ou chia;

    Pão: Troque a farinha branca por farinha de trigo integral ou farinha de aveia, acrescente ainda farelo de aveia, semente de linhaça, gérmen de trigo, nozes e sementes.

    PARA MONTAR UM PRATO COM IG BAIXO:
    Escolha alimentos de carga glicêmica (CG) baixa ou média. Quando isso não for possível, combine o alimento de CG alta com uma fonte de fibra OU proteína magra OU gordura saudável.

    – Cevada e Cevadinha / Trigo Sarraceno / Trigo para quibe / Quinua
    – Os grãos são ótimos – diminuem o IG dos alimentos quando acrescidos a eles e ainda podem ser substituir alguns alimentos como arroz e batata.

    Como Preparar: Basta jogá-los em água fervente ou consumi-los como grãos em flocos.

    – Utilize a forma cozida como acompanhamento de carnes, ingredientes de guisados, sopas ou cozidos (no lugar da batata e macarrão)
    – Como base de saladas – aumenta a quantidade de fibras;
    – Como farinha para fazer pão (prefira a farinha de cevada e de trigo sarraceno).
    – Na forma de grãos em flocos como cereal matinal – Quinua.

    Verduras/Legumes/Leguminosas (feijão, lentilha, grão-de-bico)
    Acrescente boa porção nas principais refeições.

    FRUTAS

    Alguns tipos têm CG alta porque concentram muita frutose (açúcar da fruta). Porem têm outros nutrientes valiosos, necessários ao bom funcionamento do corpo. Por isso devem ser ingeridos, apenas economize no tamanho da porção (ingira uma porção por vez) e evite comer dois tipos (ou mais) ao mesmo tempo. A melhor estratégia é combinar as frutas com uma proteína (ovo) ou gordura boa (castanhas, coco, abacate) ou fibras (linhaça, quinoa, chia, aveia). Também evite consumi-las maduras demais (a concentração de açúcar aumenta).

    PRODUTOS INTEGRAIS

    Por ter fibras, elevam bem menos a taxa de glicemia que os produtos refinados. Mas controle a porção, em excesso esses alimentos aumentam a CG e favorecem o ganho de peso. Observe também o rotulo para ser integral de verdade, precisa ter mais farinha de trigo integral do que branca e ter acima de 2g de fibra por porção (em média 30g).

    PROTEÍNA

    Prefira as versões magras (carne magra, peito de frango, peixe). É uma ótima parceria para baixar o IG e CG da refeição.

    GORDURA

    Tem digestão ainda mais lenta que a proteína e substâncias anti-inflamatórias importantes. Fique atenta a quantidade e qualidade da gordura. Prefira os alimentos que carregam gordura boa (azeite de oliva, abacate, linhaça, castanhas, coco).

    Equilibre o IG

    Veja a tabela e conte com ela para montar pratos que vão matar a fome e não a sua auto-estima diante da balança.

    Alimentos com alto Índice Glicêmico
    Gatorade – 91
    Batata Assada – 85
    Flocos de Milho ½ xícara – 84
    Bolo de Arroz – 82
    Batata-inglesa assada em microondas – 82
    Bala jujuba – 80
    Wafers de baunilha – 77
    Creme de trigo instantâneo – 74
    Mel – 73
    Melancia 1 fatia média – 72
    Pão branco 1 fatia média – 70
    Pão de trigo integral 1 fatia média – 69
    Farelo de Trigo – 69
    Refrigerante Fanta – 68
    Chocolate – 68
    Cuscuz – 65
    Açúcar – 65
    Passas 1 colher de sopa – 64
    Sorvete 61

    Moderado
    Suco de Laranja 3/4 de copo – 57
    Batata Cozida – 56
    Arroz Branco – 56
    Arroz Integral – 55
    Pipoca – 55
    Milho – 55
    Batata-doce – 54
    Banana bem madura 1 unidade – 52
    Ervilhas verdes – 48
    Feijões cozidos – 48
    Arroz branco parboilizado – 47
    Sopa de Lentilhas – 44
    Laranja 1 unidade média – 43
    Espaguete (sem molho) – 41
    Pão de Centeio Integral 1 fatia – 41
    Suco de Maçã (sem açúcar) 3/4 de copo – 41

    Baixo

    Maçã 1 unidade média – 36
    Pêra 1 unidade média – 36
    Iogurte com frutas desnatado – 33
    Grão-de-bico – 33
    Leite desnatado – 32
    Banana Verde 1 unidade média – 30
    Lentilhas – 29
    Feijões – 27
    Leite Integral – 27
    Frutose (açúcar da fruta) – 23

    SusanTribess
    Autora: Susan Tribess
    Nutricionista

    Smoothie de mirtilios com raíz de maca

    Este batido dá muita energia!
    Feito com Maca

    1 banana congelada
    1/2 chícara de mirtilios congelados
    1 colher de sopa de Maca
    1 colher de sopa de Coco Ralado
    Uma pitada de baunilha crua em pó
    Uma pitada de canela
    1 chícara de leite de amêndoa ou outro que gostar
    1 chícara de água

    Colocar todos os ingredientes num copo liquidificador, bater até obter um batido espesso e cremoso.
    A maca é ótima para a saúde da mulher, confira aqui
    O mirtilio é benéfico para a diabetes 2, faz bem ao coração, é um antioxidante maravilhoso (ótimo para a pele e outros tecidos do corpo) e tem ação anti-inflamatória!

    Melissa Corrêa
    Melissa Corrêa
    Designer, Marketeira, Amante da Saúde e Viajante